Entender a legislação de tributação brasileira não é uma tarefa fácil, ainda mais com um sistema jurídico que está em constante alteração. Quem empreende sabe a complexidade que é escolher um regime tributário, ainda mais quando essa escolha implica diretamente no crescimento da empresa.

Existem ramos de atividades e portes de empresa que obrigatoriamente precisam optar pelo regimento tributário específico para cumprir as legislações, porém, a maioria das empresas no Brasil tem a opção de escolher o regimento tributário que mais se adequa a sua situação.

Veja no link a seguir quais regimentos estão disponíveis no Brasil e qual melhor se encaixa no seu ramo de atividade. https://blog.nortesys.com.br/gestao-empresarial/entenda-o-que-e-regime-de-tributacao/

Nesse artigo você saberá quais são os problemas que a sua empresa irá enfrentar ao escolher erradamente o regime tributário.

Precificação fora do mercado

O pagamento indevido de impostos leva ao aumento do preço de mercadoria ou serviços, afinal são por meio das vendas que você irá tirar o dinheiro para cumprir suas obrigações financeiras. Por isso, possuir uma boa precificação é fundamental para não perder clientes. Possuir preços competitivos de mercado é algo que determina o sucesso ou fracasso do seu empreendimento.

Outro ponto a ser levado em consideração é saber precificar corretamente o seu produto. Muitos empresários comentem o erro de vender produtos com preço errado por não saber exatamente quando de imposto está sendo pago no produto.

Fluxo de caixa Afetado

Possuir um fluxo de caixa sadio pode até parecer clichê, mas para a sua empresa se perpetuar no mercado é necessário manter um bom fluxo de caixa, e isso não será possível pagando impostos além do necessário ou simplesmente pagando multas por estar em regimento errado para o seu estabelecimento.

Multas

A falta de adequação correta da sua empresa você não só corre o risco de pagar mais impostos como de cair na malha fina do fisco e acabar sofrendo multas e auditorias.

 E, acredite, isso é mais comum do que você imagina.

Em alguns casos mais graves, o pagamento errado ou o não pagamento dos tributos leva a um bloqueio de bens da empresa e sócios podendo até gerar prisão com detenção de 6 meses a 2 anos.

Por isso, ser muito bem assessorado, conta e muito na hora de escolher o seu regime de tributação.

Falta de Liberação de Créditos Financeiros

Dependendo do regimento tributário, a empresa fica limitada a créditos em instituições financeiras e, com isso, perde oportunidades de crescimento.

Sem créditos Tributários

Depende do ramo de atividade da empresa, ao escolher o regime que não tenha muitos benefícios fiscais, o estabelecimento acaba perdendo o direito de receber créditos tributários que poderiam ser usados para abatimentos de algumas despesas e reduzir custos.

Há alguns ramos de atividade que permite que sejam utilizados créditos tributários para a compra de maquinários.

Em geral, tudo vai impactar no resultado da sua empresa, por isso, é muito importante entender quais as opções de regime tributário a sua empresa possui e quais vai impactar positivamente o crescimento financeiro da sua empresa.

Comentários

comentários


Conheça o ERP da Nortesys

Sobre o autor

Jamila da Silva Nascimento Afonso

Instrutora do Centro de Ensino NORTESYS, Graduada em Ciências da Computação, Pós Graduada em Matemática e Estatísticas.