Franquear um negócio pode ser uma solução de baixo custo para a expansão de sua empresa. A utilização e a confiança de capital de terceiros podem ser boas alternativas à busca de financiamento em outras fontes de empréstimos. Mas precauções devem ser tomadas, a fim de evitar dores de cabeças.

Alguns fatores precisam ser levados em conta, como as documentações necessárias, planejamento dos processos e treinamentos para os franqueados. Além disso, a vendabilidade de sua marca e a possibilidade da replicação do seu sucesso para as franquias também necessitam ser consideradas.

Mas não precisa ficar preocupado. Neste post você encontrará detalhes de como franquear seu negócio para modernizar e crescer. Boa leitura!

O que é uma franquia

De acordo com o Art. 2º da Lei de Franchising, esse sistema permite, mediante a um pagamento direto ou não, a concessão ao franqueado do uso de sua marca, venda de produtos e serviços e acesso ao know-how de sua empresa. Entretanto, vale ressaltar que esse franqueamento não caracteriza vínculo empregatício.

Ou seja, você permite a uma pessoa que tenha acesso aos seus produtos e conhecimentos mediante a um pagamento de royalties e concessões. No entanto, o franqueado deve obedecer a todos os processos de sua empresa e à maneira como ela atua, isto é, para que alguma política seja mudada em uma franquia, essa alteração precisa ser aprovada pelas demais e ser modificada em todas as outras.

Um cuidado a ser tomado é não confundir franquia com filial. Esta é um ramo de sua empresa, ou seja, está subordinada a você, sendo de sua responsabilidade contratar pessoal, gerir e fiscalizar. Já no sistema de franquia, esse encargo passa a ser do franqueado, que necessita administrar e atuar de acordo com as diretrizes postas pelo franqueador.

Vantagens de franquear um negócio

A principal vantagem é receber capital para investimento. Em franqueamento, esse dinheiro vem mais rápido do que se fosse por meio de investidores ou de credores. Além disso, o capital advindo dos royalties não sofre pressão para ser investido e dar um retorno grande para satisfazer os investidores.

Outra vantagem em se franquear um negócio é a rápida expansão de sua marca. Como você terá outras pessoas trabalhando em torno de sua franquia, isso auxiliará no crescimento e no reconhecimento dela. Além disso, o alcance dessa marca é aumentado, pois as franquias conseguem mais mercados do que o negócio tradicional.

Outro ponto positivo é a troca de informações entre os franqueados. Essa experiência permite uma troca de conhecimentos e de perspectivas diferentes, agregando o know-how de sua marca. E esse aprendizado pode ser passado para outras franquias, garantindo melhora e padronização de todos os estabelecimentos.

Além disso, à medida que a sua rede de franquias cresce, sua notoriedade aumenta e seu poder de compra é fortalecido. Essa situação permite negociações com seus fornecedores e outros parceiros, proporcionando uma economia de escala para a rede, impulsionando o seu negócio.

O processo de franqueamento

Antes de iniciar o processo de franqueamento é necessário analisar alguns pontos. Primeiramente, é preciso saber a franqueabilidade da marca, ou seja, se é viável franquear a empresa. Esse estudo é feito a fundo por empresas especializadas em finanças e conhecedoras do sistema de franquias.

Outro ponto a ser analisado é se o responsável pelo sucesso do seu negócio pode ser replicado nos demais estabelecimentos, isto é, se o fator de triunfo de sua marca não está apenas em um funcionário ou em fatores locais.

Depois de serem feitas as análises prévias, alguns passos são necessários para dar início a esse processo de franquias. Vejamos eles a seguir:

Tenha auxílio de um advogado

Um profissional o ajudará a entender a lei de Franchisng e os vários processos necessários para abrir as franquias. Além de conhecer essa norma, o advogado será importante na hora de elaborar a Circular de Oferta de Franquia (COF), que será melhor explicado posteriormente.

Adeque-se à realidade de franqueamento

Uma empresa tradicional tem um padrão diferente de uma franquia. Caso esse tipo de negócio de sucesso queira franquear sua marca, provavelmente terá que se adaptar. Então, planeje essa mudança, desde a sua base e de como atrair os franqueados até os custos e parcerias com a marca.

Sistematize os conhecimentos e processos de sua empresa

É preciso não só saber como funciona o seu negócio e como obter sucesso, mas sim passar esse conhecimento. Lembre-se que o know-how adquirido precisa ser ensinado aos franqueados de sua marca e, com todas as ações documentadas, esse processo torna-se menos problemático.

Estude também como será feita essa transmissão de conhecimento: treinamento presencial, manuais, workshops e palestras são algumas das possibilidades.

Elabore contratos

O principal documento contratual é a Circular de Oferta de Franquia (COF). Nesse registro, constam as principais diretrizes do franqueamento, como os valores do roaylties que devem ser pagos, qual suporte o franqueador prestará, quais os fornecedores que são obrigatórios a manter no contrato, a situação da marca etc.

Antes de fechar qualquer contrato, o franqueador é obrigado a apresentar a COF, segundo a Lei de Franchising, citada anteriormente.

Faça testes em uma unidade piloto

Agora é a hora de pôr em prática como será uma unidade de sua franquia, mas em um ambiente controlado. Nessa hora, fatores como os processos dentro da firma, investimentos e retornos serão mensurados. Ajustes poderão ser feitos no planejamento e nos processos internos, sempre visando a uma melhor performance da unidade, como a implementação de um software em sua loja.

Escolha bem seus franqueados

Lembre-se que essa pessoa não é só um investidor, é alguém que levará o nome de sua marca. Por isso, escolha um indivíduo que, assim como você, vista a camisa da empresa e ajude ela a crescer, que esteja disposto a se dedicar a finco e compartilhe dos mesmos princípios. Apesar disso, não há um perfil exato e igual para todas as franquias, então cabe ao franqueador analisar e definir qual se adequa à sua marca.

Franquear um negócio pode trazer vários benefícios ao franqueador. Além de ser muito visado no mercado e atrair muitas pessoas, auxilia a expansão de sua empresa e agregação do know-how. E como existe uma lei própria, o sistema de franquias tem um grande amparo, dando segurança tanto ao franqueador como ao franqueado.

Outro ponto positivo são os royalties arrecadados, que podem ser usados para a expansão de sua marca e também para sua modernização, investindo, por exemplo, em softwares para a gestão de sua empresa.

Viu como franquear um negócio pode lhe trazer muitas vantagens? Este mercado cresce rapidamente e é essencial ficar atualizado sobre o assunto. Por isso, mostre aos seus amigos que você está se modernizando compartilhando este post em suas redes sociais!

Comentários

comentários


Conheça o ERP da Nortesys

Sobre o autor

Nortesys

Nortesys é uma empresa de tecnologia focada em soluções para gestão empresarial e ERP. Há mais de 23 anos no mercado com uma equipe de profissionais experientes, mais de 11.000 usuários ativos e representantes comerciais pelo Brasil a fora.